Anterior

UFSCar oferta vagas restantes em quatro cursos de graduação

13/03/2018

Anterior

Próxima

Educação entrega uniformes escolares de verão

14/03/2018

Próxima
13/03/2018 - 14:36
Massificação de instituições pode ser alerta na escolha de ensino a distância

Modalidade cresce a cada dia no Brasil e exige maior disciplina do aluno
 Foto: Divulgação  

A ideia de que o curso superior é destinado apenas a uma parte da sociedade cada vez mais perde a força entre as pessoas, principalmente com os meios e recursos oferecidos na área da educação. Contudo a massificação de instituições, que crescem rapidamente sem dar atenção personalizada aos estudantes, deve ser um alerta no momento de escolher a universidade em que se pretende estudar, principalmente as relacionadas à educação a distância (EaD).

A EaD é uma modalidade que cresce anualmente, mostrando uma consolidação na área. De acordo com o Censo da Educação Superior 2016, só no ano do estudo, a educação a distância teve alta de 7,2% no número de estudantes, tanto que o ministro da Educação, José Mendonça Filho, reconheceu que o dado reflete uma tendência internacional, já que as tecnologias estão cada vez mais disponíveis para que sejam usadas na educação.

De acordo com a coordenadora da UnisulVirtual, polo Sorocaba, Cláudia Dias, no Brasil, ainda há um preconceito de uma parte da comunidade acadêmica e da sociedade com relação ao ensino a distância. Ela salienta que esse senso comum, muitas vezes, é motivado pelo desconhecimento do método. “Muitos acham que não vão se adaptar aos ambientes virtuais ou temem que, sem o contato físico, haverá perda profunda de comunicação.”

Cláudia explica, ainda, que entre os benefícios que motivam o aluno a escolher a EaD está a possibilidade de adaptação ao ritmo de cada um, assim como selecionar o melhor período para aprender, ter mais autonomia e desenvolver as competências digitais. “O aluno EaD precisa de disciplina, perseverança e organização. É possível fazer cursos com bons professores e bons materiais, conciliando a vida profissional, familiar e acadêmica”, ressalta.

Contudo Cláudia reconhece que a massificação e o ligeiro crescimento de algumas instituições podem comprometer a credibilidade da EaD, reforçando o preconceito existente. “Cursos pedagógicos deficientes são comprometedores. Assim, a escolha da universidade é essencial para o bom andamento dos estudos e resultado final de qualidade.”

Passos para o sucesso na EaD

Segundo Cláudia, a melhor forma de se beneficiar com os cursos a distância é escolhendo uma instituição séria e desenvolvendo uma postura proativa, de pesquisador, interagindo com colegas próximos e distantes. “É importante conhecer a metodologia, os procedimentos, a sequência de atividades e prazos de entregas das pesquisas, para organizar os estudos em horários definidos”, aconselha.

A organização também deve ser levada a sério pelo estudante, pois é necessário definir o período do dia ou noite mais conveniente para estudar e fazer as leituras, pesquisas e atividades. “Sem esse planejamento, a vida vai atropelando o estudante, os prazos vencem e no final não consegue recuperar o tempo perdido. É importante ir além do mínimo exigido, participando de atividades desafiadoras, de projetos estimulantes para aprender mais e conhecer novos horizontes.”

 

Fonte: Assessoria de Imprensa










Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.