Anterior

Necrologia ( 23 a 30 de novembro de 2017 )

05/12/2017

Anterior

Próxima

Raul Marcelo pleiteia R$ 800 mil para Votorantim

05/12/2017

Próxima
05/12/2017 - 12:14
Crianças analisam reportagens e escrevem cartas para a Gazeta de Votorantim
 Foto: Jorge Silva 

Estudantes viram as cartas deles no jornal

Luiz Fernando Moura
(programa de estágio)

 
A Escola Municipal de Ensino Fundamental Profº Abimael Carlos de Campos, na Vila Dominguinho, em Votorantim, desenvolveu junto aos alunos do 4º ano, o “Projeto Jornal”, de setembro a novembro e, a partir da proposta, foram publicadas na Gazeta de Votorantim, no último sábado (25), as cartas escritas pelos estudantes contando o que acharam das reportagens analisadas.  A atividade teve como objetivo ensinar para os alunos a linguagem utilizada nas publicações, colocando em prática as habilidades ligadas à leitura e escrita.

Segundo a professora Joseana Aparecida, 40 anos, 65 alunos dos 4º anos A, B e C, participaram do projeto. “Esse plano de aula faz parte da rede, do livro ler e escrever. A proposta é de que os estudantes tenham acesso a esse material, e que eles tenham a função social da leitura e da escrita”, conta. Além disso, ela explica que foram analisados vários jornais impressos, e a partir disso, foi feita a produção coletiva da carta do leitor. “A proposta inicial do livro é a análise do jornal impresso. Nas aulas, fomos analisando os cadernos, as seções, além de comparações de jornais que publicaram a mesma matéria, até chegar ao produto final”.

Ketelim Vitória Santos, 10 anos, aluna do 4º C, diz ter sido muito interessante participar do projeto, pois não tinha o contato com os jornais impressos antes. “Eu gostei muito. Não sou muito de ler, ainda mais o jornal impresso. Das vezes que eu tive o contato com o jornal, eu o usava mais para fazer desenhos e nunca para fazer uma leitura. Em relação à carta escrita por nós, eu gostei muito, fiquei muito feliz de vê-la publicada”, conta a estudante. A reportagem analisada pela sala dela havia sido publicada em 04 de novembro, e dizia respeito à falta de segurança na avenida Philomena Lopes Vasques, devido a imprudência dos motoristas no trânsito. “Eu achei importante a reportagem, pois alerta os pais e motoristas e por se tratar de uma avenida que tem a nossa escola perto. Talvez, depois dessa matéria, os motoristas mudem suas atitudes”, prevê a menina.

“Em relação às escolhas dos temas, nós professores discutimos e resolvemos cada um pegar uma reportagem que envolvesse questões sociais”, conta a professora do 4º B, Maria Aparecida, 43 anos.  A sala dela escolheu a reportagem publicada na Gazeta de Votorantim que abordou a arrecadação de alimentos para o Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil (GPACI). “Os alunos participaram muito na hora de escolher o tema junto comigo, além da produção da carta. Dois alunos escreveram, com a participação dos outros amiguinhos”, comenta.

Segundo a aluna do 4º B, Emily Cristiny, 10 anos, assim como as outras crianças, não tinha o contato com o jornal impresso com tanta frequência. “Eu normalmente vejo as notícias pela internet ou pela televisão. Mas foi maravilhoso participar do projeto, eu adorei” conta.

Ângela de Oliveira, 35 anos, é professora do 4º A e escolheu como matéria a campanha de doação de brinquedos da Comissão Municipal de Assistência Social (Comas), publicada em 04 de novembro pela Gazeta de Votorantim. “A escolha pelo tema foi buscar algo que chamasse a atenção das crianças e uma data que está próxima. Então, escolhi junto com eles essa reportagem que fala sobre o Natal, doe um brinquedo e por ser de cunho social”, comenta a professora Ângela. Após a escolha da reportagem, a professora juntamente com seus alunos passou a analisar toda a linguagem textual e escreveram uma carta, dizendo que depois da análise feita, passaram a arrecadar brinquedos também dentro da escola, que serão doados para o Comas.

O estudante André Dionizio, 10 anos, da turma do 4º A, disse que gostou participar do projeto e a notícia escolhida despertou grande interesse pela causa. “É importante para ajudar as crianças que não tem condições de comprar um brinquedo”, diz. O garoto comenta que depois que leu a matéria falando da doação, ele e a sala, resolveram fazer cartazes apoiando a causa. “Resolvemos fazer para as pessoas não pensarem somente nelas e sim nos outros também”. André conclui dizendo que gostou de participar da coluna carta do leitor. (Supervisão: Luciana Lopez)

 

 

Reportagem publicada na página 06 da edição 247 da Gazeta de Votorantim de 02 a 07 de dezembro de 2017



Veja mais fotos:

  1. Análise de reportagem, despertou interesse em contribuir (Luiz Fernando Moura)

  2. Análise de reportagem, despertou interesse em contribuir (Luiz Fernando Moura)







Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.